DIA MUNDIAL DA SAÚDE | O SUS que humaniza e acolhe

0
218

Hoje a temática é, com razão e justiça, falar da importância do Dia Mundial da Saúde. A data, criada em 1948, vem buscando conscientizar a população a respeito da qualidade de vida e dos diferentes fatores que afetam a saúde populacional. Passados mais de 70 anos, o tema é atualíssimo, ainda mais em meio a uma pandemia.

A Organização Pan-Americana da Saúde (OPAS), a mais antiga agência internacional do setor no mundo e integrada às Nações Unidas, faz um convite aos líderes mundiais: que construam um mundo mais justo e saudável, garantindo que a equidade na saúde seja a peça central da recuperação da Covid-19. Afinal, o impacto do vírus tem sido mais severo nas comunidades que já eram vulneráveis e que estão mais expostas à doença.

Já no Brasil, o Conselho Nacional de Saúde (CNS) vem mobilizando organizações e sociedade em defesa do Sistema Único de Saúde e da vida, concentrando as atividades na semana de 5 a 11 de abril. Ou seja, mundial ou localmente, os discursos se agregam e convergem para a necessidade de acesso digno a todas e todos.

O Hospital de Clínicas de Porto Alegre é SUS, algo que nos orgulha e dá a certeza de nosso importante papel nessa luta universal. Com tratamentos de ponta e equipes extremamente preparadas e humanizadas, que têm nas enfermeiras e enfermeiros o primeiro contato do paciente com o sistema, somos parte de uma política pública inclusiva e de qualidade, fruto da conquista do povo brasileiro.

Materializamos o direito à saúde sem distinção de posição social, raça ou credo, sendo assim fundamentais no combate à pandemia da Covid-19.

Com estado de calamidade pública em curso, nossa atuação está em ainda mais evidência. A responsabilidade de salvar vidas está nas mãos de um sistema sobrecarregado, mas com gente que luta e não desiste. Somos sim fortes. Mas, na soma dos apelos, pedimos valorização e respeito. Que esta data amplie as reflexões.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui